Garcia de Resende (1470?-1536)

Memorial dos pecados

Image-empty-state.png

1521

Referência completa

Breue memorial dos pecados & cousas que pertenc[em] ha cõfissa[m]/ hordenado por Garcia de rese[n]de fidalguo da casa del Rei nosso senhor. Lixboa: per Germão Gaillarde [sic], 1521.

Descrição 

O documento intitulado Memorial dos pecados é um curto opúsculo, onde são descritas um rol de frases que o penitente deveria proferir durante a confissão penitencial para expor suas dores e angústias. Esse manual foi elaborado por Garcia de Resende (1470-1536) funcionário do monarca D. Manuel (1469-1521). Uma de suas peculiaridades é ser o único manual de confissão português dessa época escrito por um leigo. Essa obra também se notabilizou por tecer alguns comentários sobre os sacramentos da Igreja, os mandamentos sagrados, os pecados capitais e os artigos de fé. Ao longo do século XVI, ela foi editada quatro vezes: em 1518, 1521, 1529 e 1545.